Questões de Opinião: 8 Maneiras de Workaholics Resfriarem a Cabeça (Aprenda a se Controlar)

8 Maneiras de Workaholics Resfriarem a Cabeça (Aprenda a se Controlar)

No geral, se você não é um workaholic, você conhece um (ou vários).
Sou uma workaholic. Não consigo desligar a cabeça do trabalho (blog/canal/escritório) nem se quer quando estou a passeio em algum lugar. Isso me consome e, simultaneamente me impulsiona a trabalhar mais (e produzir mais conteúdo).
Eu separei uma lista do que funcionou para mim quando passei a reconsiderar quais as minhas prioridades - e passei a controlar (na medida do possível) meus horários de trabalho.


1. Admita.
É fácil justificar ficar no trabalho até mais tarde, seja usando a desculpa de que o seu chefe pediu algo e você tem que cumprir os prazos, seja quando você trabalha em home office e não sabe/consegue separar trabalho de lazer. Obrigue-se a reconhecer quando (ou se) é um problema.

"A maioria das pessoas nega o fato de que eles têm um problema, então o primeiro passo é perceber que você tem trabalhado demais e que você precisa fazer um esforço consciente para desacelerar", disse Jill Jacinto, especialista em carreira milenar.

2. Restrinja o seu horário de trabalho.
Se a lei determina suas horas de trabalho e mesmo o patrão mais capitalista do mundo passa a seguí-las é sinal de que uma carga maior não faria bem a ninguém, tão pouco a você e o ao trabalho realizado. Tudo bem fazer hora extra vez ou outra, mas uma carga extra que perpetue quase diariamente, cedo ou tarde te fará sucumbir ao cansaço.

"Pare de ser a primeira pessoa a começar a trabalhar e a última a sair", disse o treinador de carreira e best-seller autor Julie Jansen.

4. Crie um hobby.
Sério, descobrir algo para fazer quando você chega em casa, que não envolva trabalho, nem o tempo destinado ao seu sono ou a alimentação é necessário tanto quanto os itens anteriores.

Procure interesses externos: jardinagem, ciclismo, academia, aula de dança... qualquer atividade que te mantenha focada. Vale também encontrar pessoas que gostem da mesma paixão e compartilhar momentos com ela.

Ah, não se apegue a tempo e sim a atividade! É normal começar dedicando apenas 20 minutos a esteira da academia e ir aumentando isso conforme se evolui.

5. Desligue-se.
Pensar sobre o trabalho durante uma viagem ou um fim de semana com seus amigos além de ser chato para suas companhias te consome e aumenta o cansaço.
Não deixe que sua mente (ou seu dedos) vagem pela mesa de trabalho/computador/celular enquanto se diverte!

6. Faça pausa para as refeições (todos os dias!)
Perdi a conta de quantas vezes pequei nisso. Abrir um e-mail, uma conversa no what'sApp ou qualquer coisa do gênero enquanto come te consome tempo e mente, você não aproveita a comida em sua frente.

Você merece café-da-manhã, jantar e almoço. Preserve ao menos uma meia hora para o prato de comida em sua frente - e fique longe de e-mail durante esse intervalo de tempo.
Comer refeições adequadas estimula sua mente e energiza você. Você sabe tanto quanto eu que não rende tanto quando não está bem alimentado (meu grau de stress/chatice me deixam insuportável).

7. Limite seu perfeccionismo.
Suas metas alcançadas devem ter números impressionantes, mas lembre-se que para tudo e para todos sempre existem falhas! E isso é perfeitamente normal viu? Você é humano!

8. Aprenda a dizer não.
É difícil não querer abraçar o mundo - seu sei. Mas descobrir como dizer não é uma das habilidades mais poderosas que você pode dominar.

Sei que há momentos que queremos dizer sim para tudo, e também outros que sentimos a necessidade de abraçar tudo que nos foi dado (independente de ser nosso real problema ou não), e isso nos consome.
Para de se disponibilizar e dizer sim a tudo e a todos! Ninguém vai se chatear ou ir contra sua decisão. Compreender suas limitações de trabalho é essencial para descobrir as mudanças necessárias para praticar um estilo de vida equilibrado.

Espero de coração que essas dicas possam te ajudar! Eu ainda preciso me lembrar diariamente delas, mas é sempre bom buscar o melhor de nós, mesmo que isso exija certo esforço ;)

Comenta aqui me contando quais dicas você segue 
ou quais eu não citei e você pode me ajudar!

2 comentários:

  1. Poucos meses atrás, eu era assim com o blog, passava umas 12h em função, as vezes. Aí fui desligando. Comecei aos finais de semana. Agora, até mesmo no dia a dia. Nos horários em que meu notebook está carregando eu dou uma relaxada, leio um livro, faço meus exercícios, se tenho coisas a fazer fora de casa agendo para esse horário. Assim, eu tenho me desligado bastante nesses momentos. Mas, ainda assim, tem vezes que eu estou fazendo algo e vem alguma ideia pro blog daquilo e preciso anotar. Mas nada exagerado mais.

    Amei tuas dicas, funcionam mesmo.

    Beijos,
    Blog Gaby DahmerFanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu era/sou super paranóica com o blog até hoje, faço de tudo pra me controlar (principalmente essas dicas), mas as vezes não tem como resistir mesmo haha
      Eu ando com agenda na bolsa sabe? Pra anotar tudinho que vem de idéia também! haha

      Fico feliz que amor Gaby!
      Beijos lindona

      Excluir